PS-Maia

COMUNICADO

 

O PS tornou público ter votado contra a proposta apresentada pelos Vereadores do PSD/CDS, primeiro em Reunião de Câmara Extraordinária, de 6 de dezembro de 2018 e depois em Reunião Extraordinária da Assembleia Municipal, de 17 de dezembro de 2018, de pagamento das quantias em dívida relacionadas com as execuções fiscais instauradas contra o “TEC-MAIA, S.A., E.M.”, no valor de 1,4 milhões de euros, revertidas para os administradores indigitados pela Câmara Municipal.

Votamos contra porque entendemos, desde logo, que a referida proposta violava o princípio da boa gestão de dinheiros públicos e, como tal, seria ilegal.

A sentença agora produzida pelo Tribunal Administrativo e Fiscal do Porto, amplamente noticiada, decretou a perda de mandato do Presidente da Câmara Municipal da Maia, António Silva Tiago e do Vereador Mário Nuno Sousa Neves.

Em face dos factos consideramos que o mais importante, quer no atual momento político, quer no futuro que lhe sucede, é garantir que o bom nome da Maia e dos Maiatos seja corretamente salvaguardado.

Podem todos contar com os Vereadores e os Deputados Municipais eleitos pelo PS para que tal aconteça. A defesa do bom nome das instituições, que estão muito para além dos indivíduos que, momentaneamente, as servem, deverá ser a nossa prioridade. Os Maiatos podem sempre contar connosco para que assim seja.

É preciso, de uma vez por todas, dignificar a nossa terra e a nossa gente que, atendendo ao que tem vindo a público e ao que falta vir, muito têm sido prejudicadas por quem atualmente as governa.

É preciso pugnar, sem hesitações, pela verdade e pela seriedade, pois só desse modo se consegue viver a plenitude da Democracia.

É, pois, preciso, tão breve quanto possível, que também se apure a verdade sobre o último processo eleitoral autárquico da Maia que se encontra em investigação pelo Ministério Público, pela seriedade na política e na sociedade.

Acreditamos e confiamos na Justiça.

 

Maia, 16 de abril de 2019

 

ANTÓNIO RAMALHO

Presidente da Concelhia